segunda-feira, agosto 27, 2007

La consolation de l'absence #3


amor-perfeito (papel de carta), acrílico s/ papel, 25,5x17,7cm


O amor-perfeito (em francês, pensée), flor de origem europeia, simboliza a meditação, a reflexão, o pensamento afectuoso, as recordações.

(existem mais significados, mas para o contexto, penso que estes estão bem)

4 comentários:

Luísa R. disse...

Já agora:

Numa pesquisa rápida pelo Google, li que o recurso ao simbolismo, à linguagem das flores já era conhecido e usado na Turquia do séc. XVIII - o chamado "código dos turcos".

Tendo chegado a França, o costume foi aprofundado, criando-se uma linguagem totalmente composta de símbolos florais. Em 1819, foi publicada a obra Le Langage des Fleurs, que se tornou uma referência no Romantismo.

Na era victoriana, a simbologia tornou-se ainda mais requintada: além do significado de cada flor, agora também teria expressão a maneira como era oferecida e aceite. E as flores passaram a ter significados diferentes conforme a quantidade, as cores e as formas.

Isto é à "La Google".


Cá em casa, no Dicionário dos Símbolos, a entrada "amor-perfeito" diz o seguinte:
«O simbolismo desta flor provêm essencialmente do número das suas pétalas: cinco, e este é, precisamente, um dos símbolos do homem. O amor-perfeito (em francês, pensée: pensamento) designa o homem pelo que lhe é próprio: pensar; por isso ela é escolhida também para designar a meditação e a reflexão.»

(Alguns dos significados do número cinco:
- União, centro, harmonia, equilíbrio.
- É ainda símbolo do homem (braços afastados, o homem parece disposto em cinco partes em forma de cruz: os dois braços, o tronco, o centro abrigo do coração a cabeça, as duas pernas).
- Símbolo do universo, da ordem e da perfeição)

Cristina D'Eça Leal disse...

Surpreendeste-me com este estudo de papel de carta romântico!
A carta ainda não está escrita porque a rapariga ainda está indecisa, mas parece-me que mais inclinada a não ser violenta...

dismore disse...

Adorei ler a tua explicação sobre o simbolismo das flores e do amor-perfeito e achei muito original a tua forma de abordar este desafio. Realmente é muito interessante como cada um o resolve. Fica-se curioso com o que seria escrito nesse papel de carta tão mimoso...

claire disse...

une pensée pour toi, Luisa ;-)e(k)s